Aposentado é preso por estupro em Assaré e garota corre para não ser estuprada em Várzea Alegre


Cosmo foi preso por determinação judicial para responder por crime de estupro em Assaré (Foto: Reprodução/Redes sociais)


Um agricultor foi preso por determinação judicial em Assaré para responder por crime de estupro, enquanto a polícia de Várzea Alegre procura um tarado que correu atrás de uma garota para estuprá-la naquele município. Esse último caso ocorreu por volta das 23 horas deste domingo quando uma jovem de 22 anos que trabalha como auxiliar de serviços e mora na localidade denominada Lagoa do Arroz em Várzea Alegre correu para não ser estuprada.

Ela ligou para a companhia militar de Várzea Alegre informando que passava perto da Rua “C” quando um homem tentou agarrá-la. A garota conseguiu se livrar e saiu correndo na direção de sua casa, sendo perseguida por alguns instantes. Já no interior de sua residência e refeita do susto, ela acionou a polícia e uma patrulha esteve diligenciando na área sem o êxito de prender o maníaco.

ASSARÉ – Por outro lado continua recolhido à cadeia pública de Araripe o aposentado Cosmo José de Oliveira, 68 anos, residente em Assaré onde foi preso. Contra o mesmo policiais civis da delegacia local cumpriram mandado de prisão para responder por crime de estupro de vulnerável. Ele foi denunciado pela mãe de uma criança de 9 anos, residente na zona rural de Assaré, pelo crime cometido.




Por Demontier Tenório
Miséria.com.br

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.