´Viúva da Mega-Sena´ tem habeas corpus negado pela Justiça


Adriana Ferreira Almeida cumpre pena de 20 anos em regime fechado (Foto: Reprodução/ Notícias ao Minuto)

Presa em regime fechado desde abril, Adriana Ferreira Almeida, conhecida como Viúva da Mega-Sena, teve pedido de habeas corpus negado pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

No requisição, a defesa de Adriana alegava que a decisão que a tirou da prisão domiciliar estaria "precariamente fundamentada, em descompasso com os princípios da dignidade da pessoa humana e da primazia da sanção humanitária". A informação é do G1.

Adriana responde acusação de ter mandado matar o marido, Renné Senna, que ganhou R$ 52 milhões na Mega-Sena, em 2007. O assassinato ocorreu na zona rural de Rio Bonito (RJ). A condenação, proferida em dezembro de 2016, foi de 20 anos de prisão.

NoticiasaoMinuto
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.