Com candidatura oficializada, Álvaro Dias diz que convidará Moro para Ministério da Justiça


A convenção do Podemos aconteceu na manhã deste sábado (4), em Curitiba (PR), com o apoio do PSC, do vice Paulo Rabello de Castro, e PRP (Foto: Reprodução/Podemos)


Com homenagens à Operação Lava-Jato e à "República de Curitiba", o senador Álvaro Dias foi oficializado candidato do Podemos à Presidência durante a convenção nacional do partido neste sábado (4). O presidenciável aproveitou a ocasião para anunciar que, caso eleito, convidará o juiz federal Sergio Moro para comandar o Ministério da Justiça.

"[Moro] É o símbolo da esperança do povo de reabilitar as instituições públicas destruídas pela incompetência e corrupção", afirmou.

A convenção aconteceu na manhã deste sábado (4), em Curitiba (PR), com o apoio dos nanicos PSC, do vice Paulo Rabello de Castro, e PRP. 

"Não anunciaria ninguém antecipadamente para compor nosso governo, mas queria prestar homenagem à República de Curitiba, onde nasce uma nova justiça no país", discursou o senador.

O candidato disse que assume o compromisso da defesa total da Lava-Jato, para continuar a "limpar" o país.

"Vou convocar mais três juristas brasileiros, já os convidei e já aceitaram: Miguel Reale Jr, Modesto Carvalhosa e Rene Dotti. Estamos convocando uma seleção para derrotar a impunidade."

Fonte: Diário do Nordeste

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.