Prefeitos do Cariri voltam de Brasília e comentam gestão após não reeleição de Eunício Oliveira


Argemiro Sampaio, Júnior e Adailton Macêdo (Foto: Agência Miséria)


Prefeitos de quatro cidades do Cariri desembarcaram na tarde desta quinta-feira (25) no Aeroporto Orlando Bezerra de Menezes, vindo de Brasília, após encontro com o Presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB), que não se reelegeu. 

Argemiro Sampaio (PSDB), prefeito de Barbalha, e Júnior Macêdo (PR), de Aurora, falaram sobre a derrota do senador que, segundo eles, representa "grade prejuízo" para o Ceará e para a região do Cariri a partir do ano que vem. "É imensurável a importancia do Eunício em Brasília, infelizmente vamos sentir muito a ausência de um caririense na presidência do Congresso", disse Júnior. 

Argemiro afirmou ter tido uma boa conversa com Eunício na capital, na qual o senador garantiu uma parceria firme até o fim do ano. O prefeito destacou a atuação do parlamentar para "salvar" os hospitais de Barbalha, garantindo repasses mensais de recursos federais, que dão segurança ao funcionamento das unidades. 

No Cariri, Eunício Oliveira detém certo prestígio entre os prefeitos. Os gestores costumam se referir ao senador como um dos principais parlamentares cearenses, e destacam o envio de verbas federais para todos os municípios do estado enquanto Presidente do Congresso. 

Para o ex-prefeito de Aurora, Adailton Macedo, que também chegou de Brasília nesta quinta, a tarefa dos prefeitos do Ceará e especificamente do Cariri ficará mais árdua a partir do ano que vem. Ele também destaca a atuação de Eunício e o poder de influência no repasse das verbas para a região. 

Também voltou de Brasília o prefeito de Missão Velha, Diego Feitosa (MDB) e o ex-prefeito de Caririaçu, João Marcos.




Por Felipe Azevedo/Agência Miséria
Miséria.com.br

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.