Acusado de crimes é preso em Juazeiro e diz que perdeu tornozeleira numa briga


Gilberto foi preso na Rua São Miguel em Juazeiro (Foto: Reprodução/ Google Maps)


O jovem Gilberto da Silva Ferreira, de 29 anos, residente no bairro Pio XII, foi preso no final da tarde desta terça-feira na Rua São Miguel em Juazeiro do Norte após se envolver num conflito e ser agredido. É que os militares do Policiamento Ostensivo Geral (POG) descobriram que o mesmo deveria estar com uma tornozeleira eletrônica, mas ele se apressou em dizer que tinha perdido a mesma numa briga. Nisso, terminou apresentado na Delegacia e recambiadoà cadeia pública.

Cerca de três horas depois uma ligação anônima feita para a CIOPS comunicou sobre o achado de uma tornozeleira eletrônica perto de uma árvore na Rua Santa Teresa daquele mesmo bairro. A mesma foi entregue na Delegacia e deve ser a de Gilberto que já tem várias passagens pela polícia. Ele é usuário de drogas e foi preso, pela primeira vez, em outubro de 2010 com substâncias entorpecentes.

Já no dia 12 de fevereiro de 2013 por assalto contra Avila Ellen Damasceno de Macedo Pereira e, em agosto de 2015, pela prática de um arrombamento que teve como vítima Maria Luzineide de Souza Novais. Antes, no dia 25 de dezembro de 2014, Gilberto deu entrada na UPA Limoeiro após ser lesionado com uma facada no tórax. Segundo ele, durante discussão banal no bairro Pio XII e não soube informar o nome do autor já que estava embriagado. Dia 23 de abril de 2017, na Avenida Carlos Cruz, furtou uma bicicleta e bateu num carro, sendo socorrido pela polícia.




Por Demontier Tenório
Miséria.com.br

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.