Bolsonaro diz que não repassará recursos de multas ambientais para ONGs


Bolsonaro criticou parte da comunidade ambientalista (Foto: Reprodução)


O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) disse, na sexta-feira (30), que não permitirá o repasse de multas ambientais para organizações não governamentais. Ele criticou parte de comunidade de ambientalistas e a acusou de achar que é “dona do meio ambiente”.

Bolsonaro também afirmou que a decisão sobre quem será o futuro ministro do Meio Ambiente ainda não foi tomada e há “meia dúzia” de nomes sendo avaliados. Ele disse que o futuro ministro terá de ser afinado com o Ministério da Agricultura e estar disposto a enfrentar o que voltou a chamar de “indústria da multa”.

“Quero preservar, mas não dessa forma que vêm fazendo nos últimos anos. Dessas multas no campo, 40% vai para ONG. Isso vai deixar de existir”. As declarações dadas em Resende (RJ), enquanto comia cachorro-quente em um estabelecimento que costuma visitar sempre que está na cidade.

Ele viajou ao município fluminense para acompanhar a formatura de aspirantes a oficial na Academia Militar das Agulhas Negras (Aman), cerimônia que acontece neste sábado. Bolsonaro se formou nesta instituição em 1977, há 41 anos.

Fonte: Veja

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.