Preso homem que estuprou doente mental em Barbalha e outro em Tarrafas com criança de 7 anos


Edmilson foi preso em flagrante pela equipe RAIO 04 em Barbalha (Foto: Reprodução/Redes sociais)


Dois casos de estupros foram registrados no mesmo horário desta quinta-feira nos municípios de Barbalha e Tarrafas na região do Cariri. Por volta das 18h30min a equipe RAIO 04 prendeu Edmilson do Nascimento da Silva, de 29 anos, residente no Sítio Cabeceiras na zona rural de Barbalha. Ele estava dentro de um matagal no bairro Crajubar naquele município, onde praticou crime de estupro de vulnerável contra a adolescente de iniciais T. L da S., de 15 anos, residente no João Cabral em Juazeiro.

A equipe de PMs passava no local e populares informaram aos “raianos” que tinham visto um casal adentrando o mato há algum tempo. Os policiais foram averiguar e encontraram os dois percebendo que a menor apresentava sinais de doença mental. Ela própria confirmou ter sido abusada sexualmente por Edmilson o qual admitiu e os dois foram apresentados ao delegado plantonista, Douglas Duremberg Melo Balbino, na Regional de Polícia Civil de Juazeiro.

TARRAFAS – No mesmo horário, porém na Rua Santa Luzia (Bairro Boa Vista) em Tarrafas, policiais militares prenderam o agricultor Cícero Cinete Ferreira, de 40 anos de idade, ali residente. Populares viram quando ele, da porta de casa, puxou pelo braço para dentro do imóvel a menor de iniciais R. M . A, de 7 anos, a qual passava na calçada da residência do acusado.

As testemunhas já o viram no fundo do quintal tentando tirar a roupa da criança e passaram a gritar numa forma de alarde para impedir o estupro de vulnerável. Cícero desistiu do crime e fugiu, mas uma patrulha do Destacamento Militar de Tarrafas e o prendeu nas imediações armado com uma faca na cintura. Ele já responde procedimento por um estupro, desde outubro de 1999 em Várzea Alegre, e foi trazido para autuação na Delegacia Regional de Polícia Civil de Crato.




Por Demontier Tenório
Miséria.com.br

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.